Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Whatever I want

Whatever I want

...

24.05.15 | nayta

Foram dias bem passados a teu lado. Criei em ti, a minha fonte de felicidade e tudo para quê?

Foste A pessoa, de muitas, que me mostrou que podia confiar... confiei e abri o meu mundo para ti como se já te conhecesse há bastante tempo para que ao fim de tão pouco tempo me dizeres indiretamente que o que houve entre nós foi um nada...

Para mim estava a ser o início de uma grande cosia, enquanto que para ti fui "?!?" ou "    ", nem sei o que eu fui para ti como é possivel? Como é possível eu ter depositado tanta felicidade em ti e de um momento para o outro tiras-me o tapete e eu fico sem saber o que fazer...

Já me começo a habituar à ideia de que o mal sou eu, porque já lá vão algumas "facadas" fortes que me começam a mudar a personalidade e a minha auto-estima.

Apesar de tudo não te considerarei o erro da minha vida. Contigo vivi momentos muito bons e se realmente não voltar a haver mais nada, tu foste a pessoa mais incrível comigo. Posso-te agradecer, porque me mostraste que conseguia perfeitamente esquecer o passado. Gosti à mesma e ainda tenho esperanças que tu consigas seguir com a tua vida e que o "nós" não esteja acabado.

Acabarão por ser todos iguais*