Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Whatever I want

Whatever I want

Saudades que trago de ti

18.08.16 | nayta

Passado uma semana aqui estou eu a falar de ti novamente.. Passado uma semana de eu ter terminado tudo, ou o nada que havia entre nós, ou melhor... Terminar o tudo para mim e o nada para ti. Não sejamos ingénuos ao ponto de dizer que fui alguma coisa para ti... mas sabes o que te digo? Foste, és e serás o tudo na minha vida. Sempre te disse que ia aproveitar ao máximo todo o tempo que estava contigo, pois tinha a certeza absoluta de que eu e tu não durariamos assim muito tempo e foi o que fiz! Aproveitei ao máximo abraçar-te, acariciar-te, beijar-te, morder-te, dar-te porrada, levar-te para onde tu e eu eramos protagonistas de um filme de sexo... sexo sim ! Nunca falei assim deste jeito, mas contigo nada foi como levado pelas minhas regras, pelos meus valores... sempre fiz tudo como se não houvessem regras, crenças, ideologias pré-concebidas sobre o que é certo e errado - (nem sei se o que estou para aqui a dizer tem algum sentido, ou pelo menos o sentido que eu quero que tenha... mas lá está...tu causas estas coisas em mim) - basicamente sempre fiz tudo como se o mundo fosse só tu e eu! 

Te garanto que estamos separados e provavelmente nunca mais voltaremos a estar juntos da maneira que eu quero, mas que tu ficarás sempre na minha vida isso sim! Te garanto que me ensinaste tantas tantas coisas.. Ensinaste-me a ter auto-controlo, ensinaste-me a pôr o orgulho de lado, ensinaste-me a ser feliz a um dia de cada vez, ensinaste-me a não sonhar muito alto e a fazer planos muito longuíquos ... QUER DIZER, tu não me ensinaste, tu fizeste com que eu aprendesse tudo isto contigo. E só te agradeço por tudo! Tudo mesmo!

Deveria de estar com ressentimentos para contigo, mas eu gosto tanto de ti que nem consigo odiar-te, ou pelo menos, gostar menos de ti! Dizem que o primeiro amor nunca se esquece,mas para mim, o amor que nunca vou esquecer, é este amor que tive e tenho por ti. Porquê? Não sei porquê! Não faço a menor ideia do que tu me fizeste ou do que tu tens, que me fez gostar assim tanto de ti. Só sei que gosto e só sei que dás cabo da minha sanidade mental. 

Ps: Se tu soubesses as saudades que trago de ti ...

Descontrolo de emoções

07.08.16 | nayta

A três dias de fazer dois meses, ando nesta angústia...

Vai fazer dois meses que tive o melhor dia e a melhor noite dos últimos anos... sentir de novo o cheiro dele, o cheiro do seu respirar, sentir aquele toque, aquele abraço... se me perguntarem se me arrependo de ter aceitado entrar neste clima com ele, eu rapidamente respondo que não! Em nada ! Foi uma noite pela qual sonhei durante largos meses. Eu simplesmente tenho uma paixão, um amor enorme por ele, mas há coisas que trespassam o amor, a vontade de termos aquela pessoa a nosso lado. 

É verdade que perdoei-lhe coisas quase imperdoáveis e que se perdoei não posso voltar atrás nisso, mas há dias em que simplesmente as más lembranças voltam e dominam o meu estado de espírito e tomam conta das minhas inseguranças.

*Apesar de estar contigo, sei perfeitamente que não me amas.. nem de longe nem de perto... luto todos os dias por estarmos bem, mas sei que a nossa relação só tem um destino... a separação e a bem ou a mal terei de estar preparada para esse dia.

Gostava de sentir de tua parte reciprocidade, porque realmente o que mais queria na vida era ter-te comigo, cuidar das tuas pequeninas como se fossem minhas, acordar todos os dias com um beijo teu, ou com os 500 mil despertadores que tu pões... tens demasiadas coisas que não gosto em ti, mas o que tens de bom, é tão bom! Nunca te direi que estou completamente viciada em ti, porque não voltarei a fazer com ninguém.. é dar demasiada confiança à relação! Mas que estou mesmo afeiçoada a ti, demasiado viciada nos teus beijos, demasiado descontrolada nas emoções. Tu levas-me ao limite do que é tolerável! Levas-me ao limite da fantasia e levas-me ao que diria submundo, onde lá não há problemas nem maus olhados... 

Enfim simplesmente ando num descontrolo de emoções e tudo por tua causa. 

Ps: Amo-te !! Hoje, amanhã e acho que sempre mesmo !